Cowboy Experiente

Sou um cowboy experiente
Tenho um rancho em Portugal
Fico contente e feliz quando vou ao arraial

Sou do Texas mexicano
Sou um grande dançarino
Gosto de cantar à lua
E tocar um violino

Danço rumbas, danço marchas
Danço o tango, danço a valsa
Danço a salsa e não só
Pois também canto

Faço as minhas canções
Para tocar corações
De quem esteja a ouvir
Pego em meu violão
Cantando, tocando com o coração
Fazendo a alma sentir
Paz, amor e alegria
E a magia da música
Faz a doce e tão linda melodia

Gosto de andar a cavalo
Dando as minhas cavalgadas
Umas vezes a galope
Outras vezes moderadas

Preciso de respirar o ar puro da manhã
Dando uma caminhada
E poder apreciar, a beleza o encanto
Do raiar da madrugada

No meu rancho há alegria
Compreensão, há amor
E também muito carinho
Há um beijo em cada flor
Sempre à beira do caminho

E à noite a linda luz do luar
Vou cantando, vou tocando
O meu belo violino
Porque sinto e porque sei
Que este é o meu destino.

Maria do Céu

Anúncios

Sónia

I
Sónia,
Mas que nome tão bonito
Pela tua simpatia
Foi muito bem escolhido

II
Quanto a ti posso dizer
És alegre e bem disposta
Muito fresca e atraente
És assim como uma rosa
Cheirosa e adolescente

III
Gosto de te ver andar
Por vezes até correndo
Os teus cabelos no ar
Com os caracóis ao vento

IV
Sei que gostas de cantar
Dando as tuas gargalhadas
Dançar é a tua lei
Com vigor, sem palhaçadas

V
Aqui tens o teu retrato
Feito por mim com amor
Se gostas fica com ele
Se não gostares arranjarei onde pôr
Rodeado de alegria
Coberto com luz e cor

Maria do Céu