Esperança

A esperança é o amparo da vida
É a nossa companheira
Fiel, persistente e forte
Mesmo a leste ou a norte.
Ela sempre vai brilhando
Umas vezes muito forte
Outras vezes lentamente.
As nossas dificuldades
Tristezas, agrores da vida
São fardos que suportamos
Ao longo da nossa vida.
E quando a jornada é longa
Dolorosa e prolongada
Essa luzinha brilhante
Por vezes também se apaga
Mas basta um pensamento
Ou mesmo uma voz amiga
Essa luz se reacende
Bem mais forte que a antiga.
E isso é a esperança
A esperança da vida.

Maria do Céu

Anúncios